Além disso

Regras para seleção de solo para orquídeas. Por que é importante, em qual solo transplantar uma flor, é possível plantá-la em solo comum?

Regras para seleção de solo para orquídeas. Por que é importante, em qual solo transplantar uma flor, é possível plantá-la em solo comum?



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Os cultivadores de flores experientes sabem como é difícil conseguir uma flor de orquídea. Para isso, algumas condições devem ser observadas: manutenção da temperatura e umidade exigidas, iluminação, correta composição do solo.

Qualquer erro no cuidado pode levar à morte da planta. A seleção do solo para o transplante é a etapa mais importante e difícil no cuidado das flores.

A reposição do solo é necessária durante o transplante?

Para qualquer planta, o transplante é estressante. Já a orquídea é transplantada a cada três anos com reposição completa do solo. Durante este período de tempo, o solo perde suas propriedades importantes originais, a saber:

  1. A quantidade de nutrientes no solo é reduzida.
  2. A acidez aumenta.
  3. O equilíbrio dos sais minerais é perturbado.
  4. O solo começa a passar mal.
  5. O substrato começa a apodrecer.

Para orquídeas, o substrato principal é a casca de árvore... Depois de interagir com a água, ele incha e desmorona. Então, o substrato torna-se denso, a troca de ar é interrompida e as raízes da planta não recebem a dose necessária de oxigênio.

Para crescimento e floração completos, a acidez do solo deve ser de 5,5 a 6,5 ​​pH. Se o índice de acidez for maior ou menor do que o normal, as folhas da orquídea amarelarão, pois não absorverá o ferro por completo.

A orquídea deve ser regada com água limpa, pois devido à má qualidade da rega, os sais minerais se acumulam no solo. Isso afeta negativamente o funcionamento das raízes das plantas.

Como escolher o substrato certo: requisitos de solo

Um substrato bem escolhido para uma planta é a chave para um bom crescimento da flor... Se você colher o solo errado, a planta não criará raízes e morrerá. Existem requisitos básicos de solo aos quais você deve prestar atenção para transplantar uma orquídea:

  • boa permeabilidade ao ar do solo;
  • falta de elementos tóxicos na composição;
  • frouxidão;
  • acidez dentro dos limites normais;
  • boa composição mineral.

Que tipo de terreno é necessário?

As orquídeas cultivadas em casa são divididas em dois tipos.:

  1. terrestre;
  2. epífita.

Eles diferem não apenas visualmente, mas também no ambiente de cultivo. Portanto, o solo para essas duas espécies é diferente.

  1. Para as plantas epífitas, o solo não é apenas uma fonte de umidade e nutrição, mas também um suporte. O solo deve conter uma quantidade suficiente de substâncias minerais e orgânicas. Por exemplo, você pode usar 1 parte de carvão e 5 partes de casca. Como componentes adicionais são adequados:
    • raízes secas de samambaia;
    • drenagem;
    • agentes de levedura naturais.
  2. Uma vez que as espécies de orquídeas terrestres precisam de nutrição intensiva, o seguinte solo é adequado para elas:
    • turfa;
    • casca de pinheiro;
    • húmus decíduo;
    • musgo;
    • carvão triturado.

    Para melhorar a composição do solo, se necessário, adicionar cortiça em forma de placas, terra de grama e musgo esfagno.

É possível mover uma flor para um terreno regular?

Uma orquídea ainda é uma flor exótica, então você não deve usar um solo comum para o transplante. As raízes da planta precisam receber oxigênio e luz para não atrapalhar o processo de fotossíntese. É por isso que o solo deve ser leve e respirável. O solo comum é pesado e pressiona o sistema radicular, a água fica estagnada e, como resultado, a orquídea não consegue crescer e florescer totalmente.

Solo de orquídea é vendido em uma loja regular de jardinagem.... Ao comprar um produto, preste atenção a:

  1. A finalidade do substrato e as cores para as quais é adequado.
  2. Composição do solo (componentes, nutrientes) e acidez.
  3. Instruções de uso.

Não se esqueça que mesmo em uma loja especializada e comprovada você pode comprar produtos de baixa qualidade. Portanto, é necessário selecionar o solo com cuidado para que a flor não morra.

Jardineiros experientes recomendam peneirar o solo acabadopara remover o excesso de turfa e pó de terra.

Para evitar a compra de solo de baixa qualidade, você mesmo pode fazer em casa. O que é necessário para isso?

  • A casca do pinheiro é o componente principal, o que não é difícil de encontrar, basta olhar para o pinhal. A casca deve ser esmagada a 2-3 cm.
  • Carvão ou cinza também não são difíceis de encontrar.
  • Musgo Sphagnum - se reúne na floresta, nas terras baixas, depois que a neve derrete. O musgo é adicionado à mistura seco ou fresco. E tem propriedades bactericidas.
  • Raízes secas de samambaias, que contêm uma grande quantidade de nutrientes.
  • Argila expandida - é utilizada para drenagem. É leve e de baixo custo.

Preparar uma mistura para o transplante de uma orquídea por conta própria tem muitas vantagens.:

  1. é fácil de cozinhar;
  2. qualidade garantida;
  3. baixo custo;
  4. seleção de componentes para um determinado tipo de flor.

Para referência! Às vezes, componentes adicionais são adicionados ao solo preparado. Por exemplo, cascas de nozes, pedaços de isopor, húmus e outros.

O processo de transplante de uma orquídea é uma tarefa que não requer muito tempo e esforço. A única coisa a considerar é a escolha do solo, o desenvolvimento posterior e o florescimento da planta dependerão disso.

Vídeos relacionados

Uma visão geral detalhada de diferentes solos e dicas sobre qual é melhor escolher para o transplante de orquídeas pode ser vista neste vídeo:


Assista o vídeo: Tudo o que você precisa para saber como plantar orquideas chocolate - dicas do jardineiro amador (Agosto 2022).